Tecnologia

O CEO da Apple está a ser perseguido

dd

A Apple pediu uma ordem de restrição temporária contra um homem que está alegadamente a perseguir o CEO da empresa tecnológica, Tim Cook.

Conta o Business Insider que o homem em questão, de nome Rakesh Sharma, terá aparecido por duas vezes na propriedade de Cook em Palo Alto, enviado mensagens de voz perturbadores e publicado fotografias de natureza sexual no Twitter identificando o executivo da Apple.

Nem a Apple nem o próprio Tim Cook comentaram o assunto mas sabe-se que a ordem de restrição deixará de ter efeito no dia 3 de março, altura em que o caso será ouvido em tribunal.

Fonte: TECH/BA

PUBLICIDADE
voltar ao topo

o tempo