Tecnologia

Google admite ter bloqueado 300 anúncios da campanha de Trump

dd

A Google veio a público revelar ter bloqueado um total de 300 anúncios da campanha do Presidente dos EUA, Donald Trump, durante o verão, com os anúncios em questão a terem sido retirados tanto do motor de busca como da plataforma de vídeos YouTube.

Como nota o The Next Web, a notícia surge pouco depois de a Google ter tomado uma posição a respeito dos anúncios, impedindo que os anunciantes escolham internautas como alvos com base na sua inclinação política demonstrada no espaço digital.

Além da Google, também o Twitter confirmou nos últimos tempos que bloqueará qualquer anúncio político da sua plataforma. Entre as grandes redes sociais resta apenas o Facebook tomar uma posição, com o fundador e CEO Mark Zuckerberg a remeter a responsabilidade para os próprios anunciantes.

Fonte: Tech ao Minuto/BA

PUBLICIDADE
voltar ao topo

o tempo