Política

País terá Centro de Produção e Controlo do Bilhete de Identidade

dd

VISTA FRONTAL DO PALÁCIO DA JUSTIÇA EM LUANDA

Foto: Francisco Miúdo (Angop)

VISTA FRONTAL DO PALÁCIO DA JUSTIÇA EM LUANDA

Foto: Francisco Miúdo (Angop)

Um Centro Nacional de Produção e Controlo do Bilhete de Identidade, com capacidade para a emissão diária de 19 mil e 600 documentos, vai ser construído na capital do país até Março de 2019.

A cerimónia de lançamento da primeira pedra teve lugar esta sexta-feira, na capital do país, sob presidência do ministro da Justiça e dos Direitos humanos, Francisco Queiroz.
O centro de controlo, que terá ainda como missão a monitorização interligada com as outras províncias do país, será construído nos arredores da Cidade do Kilamba.

A infraestrtura será construída num espaço total de 12 mil metros quadros, sob responsabilidade de uma empreiteira chinesa denominada “CEIEC”.

Já o edifício principal terá uma área de três mil e 727 metros quadrados, 430 metros quadrados para a área de produção e 300 metros quadrados para a área de monitorização.

Para a construção da infraestrutura, o governo vai gastar cerca de 243 milhões de dólares norte-americanos.

Na cerimónia do lançamento da primeira pedra, o ministro da Justiça e dos Direitos Humanos considerou ser esta mais uma solução sustentada, porque assim estarão diminuídos os problemas que se têm verificado na aquisição do bilhete de identidade.

De acordo com o ministro, o acto acontece num momento crucial em que se verificam alguns constrangimentos para a população, na aquisição deste documento, dai que a construção do centro contribuirá para a redução da procura na emissão do mesmo.

Considerou como sendo um passo importante, uma vez que espera-se acabar, de uma vez por todas, com os problemas na emissão do documento.

Deu a conhecer que, após a conclusão das obras, serão igualmente  erguidos mais 4 centros de produção regionais, nas províncias da Huíla, Malanje, Huambo e Moxico.

No entanto, o ministro ressaltou a necessidade de os país, primeiramente, procederem ao registo das crianças.

Assistiram ao acto de lançamento altos responsáveis do Ministério da Justiça e dos Direitos Humanos, delegados provinciais e outros convidados.

TPA com Angop/AF

PUBLICIDADE
voltar ao topo

o tempo

Hoje

27°C

Amanhã

Depois

Hoje

24°C

Amanhã

Depois

Hoje

24°C

Amanhã

Depois

Hoje

26°C

Amanhã

Depois

Hoje

26°C

Amanhã

Depois

Hoje

23°C

Amanhã

Depois

Hoje

28°C

Amanhã

Depois

Hoje

24°C

Amanhã

Depois

Hoje

25°C

Amanhã

Depois

Hoje

24°C

Amanhã

Depois

Hoje

24°C

Amanhã

Depois

Hoje

29°C

Amanhã

Depois

Hoje

25°C

Amanhã

Depois

Hoje

30°C

Amanhã

Depois

Hoje

24°C

Amanhã

Depois

Hoje

28°C

Amanhã

Depois

Hoje

22°C

Amanhã

Depois

Hoje

24°C

Amanhã

Depois

Hoje

28°C

Amanhã

Depois

Hoje

28°C

Amanhã

Depois

Hoje

25°C

Amanhã

Depois

Hoje

24°C

Amanhã

Depois

Hoje

23°C

Amanhã

Depois