Política

Mutilados pela guerra clamam por apoio

dd

Um grupo de 518 deficientes de guerra das extintas Forças Armadas de Libertação de Angola (FALA), antigo braço armado da UNITA, clamam pela sua desmobilização formal, para que beneficiem dos apoios concedidos pelo Estado.

Os ex-militares, alojados no bairro 11 de Novembro, a 60 quilómetros da cidade de Menongue, na província do Cuando Cubango, manifestaram este desejo durante a visita do secretário de Estado para Acção Social, Lúcio do Amaral, que na oportunidade garantiu estarem a ser criadas as condições para que todos os antigos combatentes das extintas FAPLA e FALA que se encontram nas mesmas condições possam ser desmobilizados o mais rápido possível.

Fonte: JA/LD

PUBLICIDADE
voltar ao topo

o tempo