Política

Jair Bolsonaro incentiva combate à corrupção em Angola

dd

O Presidente da República Federativa do Brasil, Jair Bolsonaro, incentivou quinta-feira, em Luanda, o Executivo angolano a prosseguir com as medidas de combate à corrupção e à impunidade no país.

O Estadista brasileiro, que escalou Luanda, em trânsito para Índia, disse que o seu país vai prestar todo apoio ao Executivo angolano para levar avante a luta contra à corrupção, por ser um mal que destrói uma Nação.
Em breves declarações à imprensa, Jair Bolsáro afirmou que acompanha de perto e com muito agrado as mudanças em Angola, em particular o combate à corrupção e à impunidade, encorajando as autoridades angolanas a prosseguirem com essas medidas.   
“O combate à corrupção é também a bandeira do meu consolado e Angola esta a faze-lo muito bem e, nesta cruzada, o Brasil esta disponível a colaborar”, disse Jair Bolsonaro.
O Chefe de Estado brasileiro manifestou o desejo de realizar uma visita oficial a Angola no decurso deste ano, para o reforço da cooperação entre os dois Estados.
O presidente Bolsonaro augurou a assinatura de acordos, protocolos, memorandos de entendimentos e outros instrumentos jurídicos para ajudar Angola no combate à corrupção.
No Aeroporto Internacional 4 de Fevereiro, em Luanda, o Presidente brasileiro foi recebido pelo ministro angolano das Relações Exteriores, Manuel Augusto.
 “È um prazer enorme estar aqui e já manifestei o meu desejo ao ministro Manuel Augusto para voltar em Angola numa visita oficial”, finalizou.
O Presidente brasileiro quebrou o protocolo e andou pelo exterior do aeroporto interagindo com os populares tirando “selfs”.
Jair Bolsonaro vai à Índia a convite do Chefe de Estado daquele país, para participar das celebrações do Dia da República, no próximo domingo.
O Brasil foi o primeiro Estado a reconhecer a independência de Angola, em 1975.

Fonte: ANGOP/BA


PUBLICIDADE
voltar ao topo

o tempo