Política

Avaliação revela risco elevado

dd

Ministério das Finanças começou a pagar 13º em Setembro

Foto: unknown

Ministério das Finanças começou a pagar 13º em Setembro

Foto: unknown

De acordo com um comunicado do Ministério das Finanças, divulgado ontem, da avaliação que, com o apoio de uma firma de consultoria internacional, submeteu o Fundo Soberano de Angola, foi, igualmente, diagnosticada “falta de transparência nos processos de contratação dos gestores de activos e prestadores de serviços da Instituição”.
“Insuficiente reporte, bem como um fraco controlo e supervisão às actividades do Fundo Soberano de Angola, pelas entidades governamentais, bem como a ausência de políticas, estratégias e planos de investimentos consistentes e transparentes” é outro ponto do diagnóstico.
Finalmente, o diagnóstico apontou para a “necessidade de revisão do modelo de governação corporativa”.
Nesta conformidade, de acordo ainda com o comunicado, o Executivo está a implementar acções de reestruturação do Fundo Soberano de Angola, com vista à criação de uma adequada estratégia e plano de investimentos, por forma a assegurar maior transparência e controlo da instituição, em alinhamento com as melhores práticas internacionais, melhorando a supervisão dos Órgãos do Estado, nomeadamente, do Presidente da República, do Ministério das Finanças, do Banco Nacional de Angola e demais órgãos.
Avança a nota que “um dos passos nesta direcção foi a nomeação de um novo Conselho de Administração, que integra quadros nacionais de reputada competência técnica, sólido percurso profissional e idoneidade necessária para o provimento de cargos em instituições financeiras”.
o Executivo, lê-se no documento, irá prosseguir o seu engajamento no sentido da aprovação célere dos instrumentos legais, necessários à conclusão do processo de reestruturação, garantir que o Fundo Soberano de Angola desempenhe, com mais eficácia, o seu papel na estabilização macroeconómica e sustentabilidade financeira do país, garantido, deste modo, prosperidade às futuras gerações”.
O Ministério das Finanças, em alinhamento com esta orientação, “institucionalizará um Comité de Supervisão do Fundo Soberano de Angola, tendo em atenção a garantia de uma gestão mais eficiente e transparente dos recursos estratégicos do Estado”.

Fonte : JA/BA

 

PUBLICIDADE
voltar ao topo

o tempo

Hoje

18°C

Amanhã

Depois

Hoje

30°C

Amanhã

Depois

Hoje

26°C

Amanhã

Depois

Hoje

21°C

Amanhã

Depois

Hoje

19°C

Amanhã

Depois

Hoje

16°C

Amanhã

Depois

Hoje

20°C

Amanhã

Depois

Hoje

19°C

Amanhã

Depois

Hoje

19°C

Amanhã

Depois

Hoje

27°C

Amanhã

Depois

Hoje

21°C

Amanhã

Depois

Hoje

23°C

Amanhã

Depois

Hoje

17°C

Amanhã

Depois

Hoje

23°C

Amanhã

Depois

Hoje

20°C

Amanhã

Depois

Hoje

19°C

Amanhã

Depois

Hoje

25°C

Amanhã

Depois

Hoje

27°C

Amanhã

Depois

Hoje

21°C

Amanhã

Depois

Hoje

22°C

Amanhã

Depois

Hoje

27°C

Amanhã

Depois

Hoje

26°C

Amanhã

Depois

Hoje

21°C

Amanhã

Depois