Internacional

Senegal quer apoio do país para integrar Conselho dos Direitos Humanos da ONU

dd

O ministro dos Negócios Estrangeiros do Senegal, Sidiki Kaba, deslocou-se terça-feira a Bissau para pedir o apoio da Guiné-Bissau para o seu país integrar o Conselho dos Direitos Humanos das Nações Unidas.

Em declarações aos jornalistas no final de um encontro com o primeiro-ministro guineense, Umaro Sissoco Embaló, o chefe da diplomacia senegalesa explicou que foi pedir o apoio da Guiné-Bissau para o Senegal integrar aquele conselho da ONU e no âmbito das boas relações entre os dois povos e países.

Sidiki Kaba, que também se encontrou com o presidente guineense, José Mário Vaz, prometeu também continuar a defender a política de diplomacia económica e de boa vizinhança entre o Senegal e a Guiné-Bissau.

O chefe da diplomacia senegalesa iniciou segunda-feira um périplo por vários países da região, incluindo Mali, Guiné-Bissau, Gâmbia, Guiné-Conakry, Cabo Verde e Mauritânia. Sidiki Kaba viaja a 16 de Outubro para Nova Iorque, para defender na Assembleia-Geral da ONU a candidatura do Senegal ao Conselho dos Direitos Humanos.

Fonte: Angop/MP

PUBLICIDADE
voltar ao topo

o tempo

Hoje

33°C

Amanhã

Depois

Hoje

27°C

Amanhã

Depois

Hoje

27°C

Amanhã

Depois

Hoje

31°C

Amanhã

Depois

Hoje

27°C

Amanhã

Depois

Hoje

29°C

Amanhã

Depois

Hoje

34°C

Amanhã

Depois

Hoje

21°C

Amanhã

Depois

Hoje

22°C

Amanhã

Depois

Hoje

25°C

Amanhã

Depois

Hoje

28°C

Amanhã

Depois

Hoje

29°C

Amanhã

Depois

Hoje

28°C

Amanhã

Depois

Hoje

34°C

Amanhã

Depois

Hoje

21°C

Amanhã

Depois

Hoje

32°C

Amanhã

Depois

Hoje

23°C

Amanhã

Depois

Hoje

27°C

Amanhã

Depois

Hoje

32°C

Amanhã

Depois

Hoje

28°C

Amanhã

Depois

Hoje

27°C

Amanhã

Depois

Hoje

27°C

Amanhã

Depois

Hoje

23°C

Amanhã

Depois