Internacional

Avalanches fizeram pelo menos 67 mortos na Caxemira

dd

A maioria das vítimas mortais registou-se na zona controlada pelo Paquistão.

Pelo menos 67 pessoas morreram na sequência de avalanches na Caxemira nas últimas 24 horas, avança a Reuters. Várias pessoas estão dadas como desaparecidas, o que significa que o número de vítimas mortais poderá aumentar nas próximas horas.
A maioria das mortes foi registada na Caxemira paquistanesa. 57 pessoas morreram nesta parte da região e as autoridades referem que estão a decorrer operações de busca para encontrar sobreviventes.

No vale de Neelum muitas aldeias ficaram isoladas por causa das avalanches, mas também devido a deslizamentos de terra provocados pela chuva intensa.

FONTE:NM/AG

PUBLICIDADE
voltar ao topo

o tempo