Economia

Comércio com a África do Sul atinge 230 milhões de randes

dd

As trocas comerciais entre Angola e África do Sul, em 2018, cifraram-se em 230 milhões de randes (o equivalente a 5.497.126. 263 kwanzas), revelou, ontem, o embaixador sul-africano, Fannie Mfana Phakolo, durante uma conferência de imprensa, durante a qual anunciou a participação de uma missão empresarial do seu país num fórum de negócios, que abre segunda-feira em Luanda.

As exportações sul-africanas resumem-se a produtos da cesta básica, sobretudo com a cadeia de supermercado Shoprite, presente em 15 províncias, enquanto no sentido inverso o petróleo e seus derivados continuam a liderar as importações.
Promovido pelo Ministério do Comércio e Indústria da África do Sul, o seminário de negócios, que decorre até 13 de Setembro, é visto como uma oportunidade para o estabelecimento de novas parcerias entre empresas dos dois países.
O adido comercial da Em-baixada sul-africana em Angola, Meshack Mathye, afirmou que os empresários do seu país estão focados no mercado angolano, o que é facilitado pela representa-ção diplomática, através de canais apropriados para a criação de um bom ambiente de negócios e parcerias pú-blico-privadas.
Meshack Mathye referiu que 30 empresas sul-africanas estão implantadas em Angola, um sinal de “equilíbrio” para o desenvolvimento da região, em contraponto às parcerias fora do continente africano.
“O seminário serve para mudar essa visão, privilegiando mais as trocas a nível de África”, referiu o diplomata. Está confirmada a presença de 25 empresas sul-
-africanas de construção, minas, infra-estruturas, in-dústria, agricultura, agropecuária e serviços.

Fonte: JA/JS

PUBLICIDADE
voltar ao topo

o tempo