Cultura

Pai de Meghan Markle com medo de ser raptado

dd

O pai de Meghan Markle, Thomas, acredita que poderia ser raptado após os seus comentários sobre a filha e o marido, príncipe Harry.

Aos 74 anos, o antigo diretor de iluminação confessou a uma amigo próximo que se sente um ‘alvo fácil’. Thomas vive numa modesta casa no México, perto de Tijuana, onde mais de 1700 assassinatos foram registados no ano passado.

Makle também foi muitas vezes perseguido por paparazzi e o amigo afirmou: “Ele teme que tenha que passar o resto da vida a olhar constantemente por cima do ombro”.

Thomas é “um paciente cardíaco” e deveria ter uma vida mais sossegada, longe de stress. No entanto, não é isso que está a acontecer. “Ele está num constante estado de ansiedade e tem vivido uma existência semi-nómada”, acrescentou a fonte, citada pelo Express.

Thomas, que no mês passado pediu uma “última oportunidade” para fazer as pazes com o recém-casal real, passou pouco tempo em casa desde que faltou ao casamento da filha, em maio, pois teve que ser operado ao coração.

Em vez disso, o pai de Meghan esteve com amigos na cidade de Rosarito e esteve também em vários motéis. Aliás, o jornal revela que Thomas viu o casamento real num hotel em San Diego, enquanto recuperava da cirurgia.

A mesma fonte contou ainda que o pai da duquesa de Sussex “mudou todas as fechaduras de casa para um sistema mais sofisticado”.

“Ele fez tudo o que estava ao seu alcance para aumentar a sua segurança, mas mantém-se preso lá porque não se pode dar ao luxo de se mudar”, acrescentou a fonte referindo que “ele ainda não se sente seguro”.

Fonte: Fama ao minuto/BA

PUBLICIDADE
voltar ao topo

o tempo