Ciência

Lançamento do Cabo Submarino SACS permitirá reduzir custos nas comunicações

dd

O ministro das Telecomunicações e Teclologias de informação, José Carvalho da Rocha garantiu que o lançamento do cabo sub-marino SACS, que vai ligar  África e América do Sul, a partir da costa angolana à Fortaleza, munícipio do estado de Ceará, Brasil, vai aumentar a velocidade de acesso as comunicações e prestar melhores serviços a preços acessíveis.

“Nós estamos  aqui a materializar uma estratégia de acesso aos cabos submarinos que foi aprovada em Abril de 2009 pelo Presidente da República, José Eduardo dos Santos.  Temos estado a  materializar isto em várias etapas. Foi assim em 2012 com o  WACS, está a ser agora com o SACS” sublinhou José Carvalho da Rocha, Ministro das Telecomunicações e Tecnólogias de Informção.

O governante acrescentou que a ligação do cabo de fibra óptica entre Angola e o Brasil, vai trazer um ajuste na qualidade das comunicações e mudança do paradigma dos custos das comunicações a médio prazo.

“Tem um reflexo bastante grande porque o que nós pretendemos é aumentar a velocidade de acesso e com as reformas que estão a acontecer no nosso mercado é que continuemos a prestar melhores serviços  e a apreços acessiveis. É um acontecimento único na região porque é o primeiro cabo que vai ligar a América do Sul a África.  Isto vai posicionar o nosso país dentro da estratégia que temos estado a prosseguir  que é tornarmo-nos numa hubs em África e, continuaremos a trabalhar para termos infra-estruturas para suportar o nosso desenvolvimento”, acrescentou.

O cabo de fibra óptica entra em operação no primeiro trimestre de 2018, o que levará uma redução de custos nos actuais serviços prestados hoje.

“Fundamentalmente a grande vantagem que este cabo traz é a melhoria da qualidade das comunicações, visto que tanto Angola como o próprio continente africano poderá ter  comunicações de qualidade bem como para a América do sul e também do Norte” afirmou José Carvalho da Rocha.

A Gestão do projecto esta a cargo da multinacional Angola Cables, que opera no mercado de grossista, cujo négocio principal é a comercialização de capacidade em circuitos internacionais de voz e dados através de sistemas de cabos submarinos de fibra óptica.

“Este é um momento único para o país porque é um momento em que o nosso sonho se torna realidade pelo facto de ser um trabalho que tem algum tempo de actividade. Isto tudo começou antes de 2009 num protocolo assinado entre os dois países. E neste momento estamos a  concretizar todo este trabalho", disse António Nunes, Presidente da Comissão Executiva da Angola Cables.

O Presidente da Comissão Executiva da Angola Cables, garantiu ainda que  o Cabo de fibra óptica lançado nesta quarta-feira, vai entrar em exploração comercial a partir do primeiro semestre de dois mil e dezoito.

“Este início de instalação começa a partir de Angola e depois teremos o tempo necessário para o cabo ser instalado até ao Brasil e posteriormente faremos todos os teses e ensaios do cabo para que funcione na sua totalidade”, concluiu.

Por seu turno, o governador do Estado brasileiro do Ceará, Camilo Santana, que testemunhou o acto de lançamento, garantiu que a conexão por via das telecomunicações vai estreitar ainda mais os laços com angola e tornar os dois países mais próximos.

“Será o primeiro cabo que vai unir a america do sul com a África,  em vez da conexão ser via europa ou EUA para o brasil, agora vamos ter uma conexão muito mais rápida e fortaleza para nós tem muito significado pela localização geográfica do Ceará com a Europa, EUA e com a África.  Então fazer de fortaleza  uma espécie de  conexões em telecomunicações é um projecto estratégico que Angola cables junto com seus parceiros, que estão a investir no Ceará. Queremos unificar e reaproximar cada vez mais o Ceará e Angola”.

A partir do momento em que o cabo estiver a funcionar e também com outro cabo que liga o Brasil aos EUA, Angola passará a ser um Hubs ao nível da região africana o que vai permitir ligações directas para o Sul e Norte da América.

TPA / Beatriz Andrade

 

PUBLICIDADE
voltar ao topo

o tempo

Hoje

20°C

Amanhã

Depois

Hoje

24°C

Amanhã

Depois

Hoje

25°C

Amanhã

Depois

Hoje

20°C

Amanhã

Depois

Hoje

18°C

Amanhã

Depois

Hoje

17°C

Amanhã

Depois

Hoje

20°C

Amanhã

Depois

Hoje

18°C

Amanhã

Depois

Hoje

17°C

Amanhã

Depois

Hoje

26°C

Amanhã

Depois

Hoje

18°C

Amanhã

Depois

Hoje

21°C

Amanhã

Depois

Hoje

17°C

Amanhã

Depois

Hoje

23°C

Amanhã

Depois

Hoje

19°C

Amanhã

Depois

Hoje

18°C

Amanhã

Depois

Hoje

22°C

Amanhã

Depois

Hoje

25°C

Amanhã

Depois

Hoje

24°C

Amanhã

Depois

Hoje

20°C

Amanhã

Depois

Hoje

25°C

Amanhã

Depois

Hoje

25°C

Amanhã

Depois

Hoje

21°C

Amanhã

Depois