Ciência

As primeiras pessoas que chegarem a Marte podem morrer, admite Elon Musk

dd

Elon Musk, fundador e CEO da SpaceX

Foto: Tesla

Elon Musk, fundador e CEO da SpaceX

Foto: Tesla

O fundador e CEO da SpaceX, Elon Musk, marcou presença no evento SXSW onde afirmou que a agência aeronáutica pretende começar a viajar regularmente para Marte a partir de 2019. Ainda que eventualmente estas viagens se tornem algo normal, de início não será fácil.

“Será muito perigoso para as pessoas que forem para Marte. É um pouco como o anúncio de [Ernest] Shackleton para os exploradores da Antártida. ‘Difícil, perigoso e com boa probabilidade que vão morrer.

Entusiasmo para quem sobreviver”. Esse tipo de coisa”, admitiu Musk perante a plateia que assistia à conferência.

A SpaceX testou recentemente o seu foguetão Falcon Heavy que, apesar da potência acrescida, necessitará ainda de ser melhorado ao ponto de permitir a viagem até ao ‘Planeta Vermelho’.

Fonte: NM / EB

PUBLICIDADE
voltar ao topo

o tempo