Outras modalidades

Hamilton enaltece coragem de Ricciardo por mudança à Renault

dd

Lewis Hamilton enalteceu Daniel Ricciardo por ter sido “corajoso” e assumido o risco por trocar de equipe, classificando a mudança como semelhante à sua própria ida à Mercedes.

Ricciardo deixará a Red Bull para ir à Renault na próxima temporada, o que significa a troca de uma equipe vencedora por uma que ainda não marcou pódios desde que voltou à F1, em 2016.

A Red Bull apoiou a carreira de Ricciardo por dez anos, o que levou a comparações entre a saída do australiano e a decisão de Hamilton por deixar sua parceira de longa data, a McLaren, pela Mercedes em 2013.

Hamilton disse que suspeita que “provavelmente haja similaridades” entre a motivação de Ricciardo e a sua de seis anos atrás.

“Estou realmente feliz por ele”, disse Hamilton. “É sempre corajoso tomar uma decisão que foge da norma, sabendo que as pessoas terão opiniões sobre isso e durante a metade de uma temporada sem saber como o próximo ano será.”

“É um período empolgante para ele. Muitas pessoas na vida ficam assustadas por mudanças, pelo que é diferente, e, portanto, ficam presas em um espaço que não é o seu local mais feliz, mas elas se deixam levar.”

“É legal ver que Daniel, de forma parecida com a minha, está querendo se elevar, tentar algo novo e aprender com isso – bem ou mal, e assumir o risco.”

Bob Bell, que está de saída do cargo de chefe técnico da Renault, estava na Mercedes quando Hamilton foi trazido da McLaren.

Ele disse que há “uma comparação a ser feita” entre Hamilton e Ricciardo, mas afirmou que a grande mudança no regulamento de motores para 2014 deu a Hamilton uma oportunidade muito grande em curto prazo.

“Não é a mesma situação, porque, claro, quando Lewis deu o salto, havia a mudança no regulamento de motores”, disse Bell, quando questionado pelo Motorsport.com sobre as mudanças dos pilotos.

“Vamos encarar: aquilo teve um grande impacto no sucesso da Mercedes que fez Lewis recolher a recompensa.”

“Acho que será muito mais difícil para Daniel, mas, no fim, o fim da história será parecido, de que ele sentiu ter feito a coisa certa.”

Fonte: F1/RM

PUBLICIDADE
voltar ao topo

o tempo