Outras modalidades

Alonso espera que rivais errem em novidades para Barcelona

dd

Fernando Alonso espera que os rivais da McLaren na F1 “não entreguem” o que esperam na primeira grande atualização da temporada de 2018, no GP da Espanha, neste fim de semana.

A McLaren teve um início de temporada mais difícil do que o esperado após admitir que não conseguiu atingir suas metas iniciais de desenvolvimento.

O diretor esportivo da equipe, Eric Boullier, declarou que o GP da Espanha, tradicionalmente a primeira prova em que as equipes conseguem aplicar revisões significativas em seus carros, será o primeiro em que a McLaren terá seu carro “real” de 2018.

Desde então, a McLaren minimizou as expectativas para as novidades, mas Alonso disse: “Em Barcelona, há um novo pacote aerodinâmico por vir, mas acho que 95% do paddock trará um novo pacote aerodinâmico para Barcelona.”

“Então, talvez a diferença permaneça como está, ou nós recuperemos um pouco, ou perderemos um pouco mais de terreno.”

“Quem sabe? Acho que cabe a nós fazer o pacote cumprir com as expectativas, e espero que os outros não entreguem. Essa é a nossa esperança.”

Alonso terminou em sétimo no Azerbaijão, no último fim de semana, apesar de ter mantido uma indesejada sequência para a McLaren, que ficou de fora do top 10 no grid em todas as corridas no ano até então.

O rendimento da equipe aos sábados é a maior fraqueza no momento, sendo que apresentações oportunistas nas corridas colocaram Alonso em sexto entre os pilotos e a McLaren em quarto entre os construtores. 

Boullier disse que a McLaren está “trazendo peças em todos os fins de semana” na tentativa de impulsionar sua performance.

“Há uma nova direção, talvez começando em Barcelona, e você não pode esperar, como Alonso disse, superar todo mundo”, disse Boullier.

“Todos estão trazendo peças, um novo pacote, especialmente para as primeiras corridas europeias.”

“Mônaco terá uma outra melhoria, o Canadá terá uma outra melhoria, e Silverstone também. É em todas as corridas.”

A McLaren está um ponto à frente da equipe de fábrica da Renault no Mundial de Construtores, mesmo que não consiga fazer frente em termos de performance absoluta. 

Questionado pelo Motorsport.com se a Renault deveria se preocupar com a novidade da McLaren, Carlos Sainz disse: “Acho que sempre precisamos nos preocupar com a McLaren.”

“Aquela equipe tem tanta história e tanta taxa de desenvolvimento, e acho que sempre precisamos manter um olho neles.”

“A McLaren não mostrou um grande ritmo de classificação, mas digo que, em corrida, é um carro diferente. Eles parecem muito fortes.”

“A qualquer momento eles podem encontrar esses 0s2 em classificação e começar a nos colocar em uma posição difícil.”

Fonte:F1/RM

PUBLICIDADE
voltar ao topo