Futebol Nacional

Girabola: Campeão vai a jogo hoje com olhos na liderança

dd

A possibilidade de regressar ao comando do Girabola, à condição, redobra o foco do 1º de Agosto na conquista da vitória, frente ao FC Bravos do Maquis, hoje às 17h00, no Estádio Nacional 11 de Novembro, na abertura da 24ª jornada da competição, liderada pelo Petro de Luanda, com 50 pontos.

Com a confiança na conquista do quinto título consecutivo reforçada quarta-feira, pelo triunfo do Desportivo da Huíla, por 1-0, sobre os petrolíferos do Eixo Viário, os militares do Rio Seco esperam capitalizar o deslize dos arqui-rivais, de modo a continuarem a depender de si, na disputa do primeiro lugar.

A exibição e o triunfo (2-0), na ronda passada, no reduto do Interclube, ajudaram a tranquilizar a equipa rubro e negra, orientada pelo bósnio Dragan Jovic, na sequência da recuperação encetada frente ao Cuando Cubango FC, depois da série negativa resumida na magra safra de dois pontos somados, em 12 possíveis.

Sem o lateral direito Isaac, expulso na visita aos polícias do Rocha Pinto, os tetra-campeões nacionais assumem o desafio de interromper o percurso vitorioso dos maquisardes às ordens de Zeca Amaral, um dos treinadores mais experientes do Girabola.

De volta aos disponíveis estão o central Bobó e o médio Mário, após afastamento por acumulação de cartões amarelos. A dupla alarga a solidez defensiva da equipa e confere consistência ao ataque, sobretudo na saída do seu meio campo.

O desempenho no Estádio 22 de Junho coloca Tony Cabaça em posição privilegiada para voltar a merecer a aposta dos treinadores. Muito criticado no início da época, devido à quebra de rendimento, prolongada ao serviço da Selecção Nacional, o guarda-redes foi o principal obreiro do êxito no reduto da formação afecta ao Ministério do Interior, ao garantir a inviolabilidade da baliza, com defesas de grande aparato técnico.

Mabululu, melhor marcador da equipa, 12 golos, é chamado a pôr em evidência a capacidade de concretização, em defesa dos intentos do clube e, consequentemente, para apertar o cerco ao brasileiro Tony, do Petro, líder dos melhores marcadores, com 13 tentos.

Acordar na liderança, 53 pontos, é o objectivo do 1º de Agosto, à espera de um revés dos tricolores amanhã, na recepção ao Interclube. Porém, os pupilos de Jovic só podem atingir o sucesso se forem capazes de superar o adversário na entrega.

JA/FS

PUBLICIDADE
voltar ao topo

o tempo