Futebol Nacional

ASA enfrenta Progresso para os oitavos de final

dd

ASA e Progresso Sambizanga jogam hoje, às 15h30, no Estádio Municipal dos Coqueiros, na zona baixa da capital, referente aos oitavos de final da Taça de Angola de futebol da época 2018/19, com realce para a deslocação amanhã do Petro de Luanda à vila de Calulo e do 1º de Agosto à cidade do Cuito, província do Bié.

 

O primeiro desafio opõe equipas com posições diferentes na tabela classificativa do Campeonato Nacional de Futebol da I Divisão, Girabola’2018/19. 
Os aviadores, que estão numa fase de falta de resultados positivos ocupam a 13ª posição do Girabola, com 25 pontos, enquanto os sambilas se encontram no 5º lugar, com 39.
Nesta temporada, as duas formações têm evidenciado problemas financeiros para manter uma estabilidade no seio dos jogadores.
O desempenho das equipas é visível no Campeonato Nacional, onde ambas têm registado alternância de resultados.
Nesta época futebolística, os aviadores e sambilas empataram a zero na primeira volta da prova, ao passo que na segunda o ASA perdeu com o adversário, por 1-2, no Estádio Municipal dos Coqueiros.
Este é um “embate” de difícil prognóstico. Apesar da crise financeira que afecta os clubes, o favoritismo recai para a formação do Sambizanga.
Para o desafio de realce da ronda, o 1º de Agosto desloca-se amanhã à cidade do Cuito, onde vai medir forças com o Cuando Cubango FC, às 15h00, no Estádio dos Eucaliptos. Um jogo em que os militares do Rio Seco apesar de assumirem o favoritismo têm de acautelar-se para não serem surpreendidos diante de um adversário que espera chegar à outra fase da prova.
Noutro encontro de destaque, o Petro de Luanda segue para a vila de Calulo, onde vai defrontar, às 15h00, o Recreativo do Libolo, num desafio em que os tricolores reconhecem que vão encontrar imensas dificuldades diante de um adversário que também almeja atingir os quartos-de-final da competição. 
No Huambo, o Recreativo da Caála recebe, às 15h00, o Interclube no Estádio Mártires da Canhala, num óptimo jogo entre formações com objectivos idênticos na prova, que é atingir a final da Taça de Angola.
Nesta época, o Caála perdeu apenas com o 1º de Agosto no Planalto Central, com dois golos fenomenais do extremo esquerdo Nelson da Luz, para a 11ª jornada do Girabola.
A Santa Rita de Cássia FC enfrenta o Domant FC (Bengo), às 15h00, no Estádio Municipal 4 de Janeiro, na capital da província do Uíge.
Uma partida em que os anfitriões esperam vencer os forasteiros com maior ou menor dificuldades, diante do seu público que promete lotar o estádio.
O Desportivo da Huíla, equipa sensação do Campeonato Nacional da I Divisão, recebe o Sagrada Esperança, às 15h30, no Estádio do Ferroviário, na cidade do Lubango.
A Académica do Lobito joga, às 15h30, com o FC Bravos do Maquis, no Estádio do Buraco, em Benguela, num desafio entre equipas de nível equiparado.
O Kabuscorp do Palanca desloca-se à província de Benguela, onde defronta o Wiliete Sport Clube, às 16h00, no Estádio de Ombaka, no bairro da Taca.
A formação do Palanca apesar de lhe ser atribuído o favoritismo tem de jogar com alguma cautela defensiva, para evitar o sabor amargo de um afastamento.
As partidas dos quartos e das meias-finais foram marcadas pela Federação Angolana de Futebol (FAF), para o próximo dia 15 deste mês.
Já a final da competição está agendada para o dia 25 do corrente, no Estádio Nacional 11 de Novembro, em Luanda.
O vencedor da prova vai ser o representante angolano na preliminar de apuramento para a fase final da Taça Nelson Mandela.

Fonte: Jornal de Angola/ JS

PUBLICIDADE
voltar ao topo

o tempo