Futebol Internacional

Restos mortais de Quinzinho repousam no cemitério novo de Alverca

dd

Os restos mortais do ex-jogador do Futebol Clube do Porto e da Selecção Nacional de Angola, Joaquim Alberto Silva (Quinzinho), falecido no dia 15 do corrente mês, vitima de ataque cardíaco, foram ontem, sexta-feira, a enterrar no cemitério novo de Alverca, em Lisboa.

Antes do enterro realizou-se uma missa de corpo presente, na Igreja de São Pedro, em Alverca, em que se fizeram presentes, diplomatas angolanos acreditados em Portugal, familiares, amigos, colegas e admiradores.

No elogio fúnebre, Amélia Silva, irmã de Quinzinho destacou as qualidades do mesmo como sendo um homem que com seu saber e desempenho no desporto soube representar da melhor forma Angola.

Acrescentou ainda, que Quinzinho sempre foi um irmão presente, companheiro e atencioso para com todas as pessoas.

Amélia Silva agradeceu o apoio do consulado de Angola em Lisboa, bem como dos presentes.  

O antigo futebolista, de 45 anos, nascido em Angola, é pai de Xande Silva, jogador do West Ham, de Inglaterra, que representou o Vitória de Guimarães.

O jogador representou clubes como FC Porto, Rio Ave, Estoril Praia, União de Leiria, Desportivo das  Aves, Farense, Alverca ( Todos de Portugal) e Rayo Vallecano ( Espanha),  Recreativo da Cáala e ASA (Angola) .   

"Deixou-nos subitamente aos 45 anos de idade. Os nossos pensamentos e profundos sentimentos estão com toda sua família neste momento de dor e angústia. Que descanse em paz", lê-se numa nota do clube ribatejano.

O FC Porto, através das redes sociais, também lembrou o antigo avançado, que ao serviço dos dragões sagrou-se duas vezes campeão nacional.

Terminou a carreira em Angola, onde, em 2017, foi técnico-adjunto do Recreativo do Libolo, do Campeonato Nacional de futebol da primeira divisão “Girabola”.

Além do ASA, em Angola jogou pelo Recreativo da Caála e depois evoluiu em vários clubes na China. Ao longo da carreira desportiva, fez um total de 194 jogos e marcou 53 golos.

Quinzinho que até a data da sua morte era viúvo, deixou dois filhos.

Fonte: Angop/LD

PUBLICIDADE
voltar ao topo

o tempo