Futebol Internacional

Árbitro de futebol morre após colapso em direto na TV

dd

A Bolívia viveu este domingo o drama de uma morte durante uma partida de futebol transmitida em direto pela televisão, desde o segundo estádio mais alto do mundo, o Villa Ingenio, em El Alto.

Aos 47 minutos de jogo, o árbitro Victor Hugo Hurtado, de apenas 32 anos, caiu de costas no relvado, inanimado, perante o espanto de jogadores, público e comentadores.

Hurtado foi prontamente assistido, pelas equipas de emergência presentes no estádio, os médicos de ambos os clubes e inclusive com recurso a garrafas de oxigénio devido ao risco de ter sido uma falência provocada pela altitude a que se disputava o jogo, cerca de 4090 metros acima do nível do mar.

Victor Hugo Hurtado ainda foi transportado para o hospital, mas não resistiu.

A Federação Boliviana de Futebol emitiu um comunicado pelas redes sociais lamentado a morte de Victor Hugo Hurtado, "por causas ainda por determinar". "A FBF decreta luto de sete dias no futebol nacional", anunciou o organismo.

Também o Presidente da Bolívia enviou as "condolências e solidariedade à família, amigos e colegas" do árbitro. "O futebol boliviano está de luto", escreveu Evo Morales nas redes sociais.

As imagens do momento dramático trouxeram à memória o trágico jogo do Benfica em Guimarães, da Liga Portuguesa, a 25 de janeiro de 2004.

Suplente utilizado nesse jogo também transmitido em direto pela TV, o húngaro Miklós Fehér caiu igualmente de costas no relvado, após esboçar um mítico sorriso por ter sido admoestado com um cartão amarelo e não mais se levantou.

O jogo prossegue e acaba em goleada

O jogo na Bolívia opunha os anfitriões Always Ready aos Oriente Petrolero. O jogo estava empatado a zero quando se deu o incidente com o árbitro.

A partida prosseguiu com o até ali quarto árbitro, Josué Benevides, a assumir o apito após consultar a restante equipa de arbitragem.

Não se sabe se o sucedido teve algum efeito junto da equipa visitante, mas o jogo viria a terminar com uma goleada dos Always Ready, por 5-0.

Alguns comentadores, como se pode escutar no vídeo partilhado em baixo, defendem que o jogo não deveria ter continuado.

Questionado pelos jornalistas locais se a altitude poderia ter estar relacionada com o colapso do árbitro, o presidente do Always Ready, disse ser "prematuro e imprudente" relacionar as coisas.

Fernando Costa referiu ainda que o árbitro se tinha mostrado em perfeitas condições e que poucos dias antes havia arbitrado inclusive o jogo entre os The Strongest e os Blooming no Estádio Hernando Siles, em La Paz, a 3600 metros de altitude, tendo permanecido na região para arbitrar este derradeiro jogo.

O médico Erick Koziner foi um dos primeiros a dar assistência a Victor Hugo Hurtado.

"A primeira paragem cardíaca aconteceu quando estávamos a trasladar o paciente. Conseguimos reanima-lo no campo e estabilizamos os sinais cardíacos. Quando chegou às emergências do hospital, sofreu uma segunda paragem cardíaca e não mais foi possível estabilizá-lo", revelou Erick Koziner.

O Estádio Villa Ingenio, também conhecido como Villa Ingenio, é o mais alto do mundo onde se realizam jogos de futebol de ligas profissionais, mas de acordo com a revista oficial da FIFA, citada por diversos meios de comunicação, é o segundo mais alto do mundo atrás do peruano Daniel Alcides Carrión, situado a 4380 metros acima do nível do mar.

Fonte: Euronews/LD

PUBLICIDADE
voltar ao topo

o tempo