Basquetebol

Coronavírus força adiamento da BAL

dd

A edição inaugural da Basketball African League(BAL), cujo arranque da primeira janela estava prevista para dia 13 do corrente, em Dakar, capital do Senegal, foi adiada por causa da propagação alarmante do vírus COVID-19, anunciou ontem a Federação Internacional da modalidade (FIBA).

A medida foi tomada depois de o Ministério da Saúde daquele país da África Ocidental ter anunciado esta semana a identificação do primeiro caso do “COVID-19”, em Dakar, palco do Grupo B, onde o representante ango-lano, Petro de Luanda, está inserido, ao lado do Ferroviário de Maputo de Moçambique, Patriots BBC (Rwanda), Zamalek SC (Egipto), Clube Africain (Tunísia) e Gerdarmierie Basket (Madagáscar ).
O presidente da prova continental, Amadou Gallo Fall, lamentou o facto de não poder dar seguimento ao evento na data inicialmente programada. “Seguindo a recomendação do governo senegalês, em relação às crescentes preocupações de saúde relacionadas ao coronavírus, a tem-
porada inaugural da BAL será adiada”, disse, sem avançar a data provável para a realização desta janela.
A FIBA está a trabalhar em estreita colaboração com o Comité Olímpico Internacional na melhor solução possível, considerando que várias provas estão agendadas até Junho próximo.
A Federação Angolana da modalidade (FAB) admitiu hoje que o adiamento da BAL terá implicações “colaterais” para o basquetebol africano e outras competições em que Angola deve participar.
Em declarações à Lusa, o membro da comissão de gestão da FAB, Tony Sofrimento, confirmou a notificação da FIBA África relativa ao adiamento do torneio.

Fonte: JA/LD

PUBLICIDADE
voltar ao topo

o tempo